Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

Sections
Ferramentas Pessoais
Você está aqui: Página Inicial Notícias 2013 Cuca – Projeto Lua Cheia: Paulo Costa apresenta Furdunço Jackson do Pandeiro

Cuca – Projeto Lua Cheia: Paulo Costa apresenta Furdunço Jackson do Pandeiro

Nesta quinta-feira, 21 de novembro de 2013

20h

Entrada Franca

Cuca – Projeto Lua Cheia: Paulo Costa apresenta Furdunço Jackson do Pandeiro

A versatilidade, o ritmo e a critica bem humorada dos costumes e do cotidiano, especialmente do povo nordestino, são marcas registradas na trajetória artística do grande cantor e compositor paraibano Jackson do Pandeiro, um dos principais nomes da música brasileira.

Toda essa diversidade é reverenciada no projeto SamBaião – No Furdunço de Jackson do Pandeiro, idealizado pelo músico e ativista cultural feirense Paulo Costa.

 Durante as apresentações, que contam com a interpretação criteriosa de Paulo e a participação de mais dois percussionistas e um guitarrista, são executadas canções que fazem parte da vastíssima discografia de Jackson do Pandeiro, como “Sebastiana”; “Forró em Limoeiro”; “Chiclete com Banana”; “Um a UM”; “Cantiga do Sapo” e “A Mulher do Aníbal”, entre tantas outras.

Também é exibido, durante o show, um vídeo no qual o próprio Jackson do Pandeiro fala sobre sua carreira, destaca os desafios e as dificuldades vividas pelos homens e mulheres do Nordeste do Brasil e destila toda sua musicalidade.

O SamBaião, que também relembra outros nomes de grande relevância da música do Nordeste e brasileira, foi elaborado com base em uma minuciosa pesquisa realizada por Paulo Costa.

QUEM FOI JACKSON DO PANDEIRO

 José Gomes Filho nasceu em Alagoa Grande, na Paraíba, em 31 de agosto de 1919. Seu nome artístico surgiu de um apelido que ele mesmo se dava: Jack, inspirado em um mocinho de filmes de faroeste, Jack Perry.

 Somente em 1953, Jackson gravou o seu primeiro grande sucesso: "Sebastiana", de Rosil Cavalcanti. Logo depois, emplacou "Forró em Limoeiro", rojão composto por Edgar Ferreira. 

No Rio de Janeiro, já trabalhando na lendária Rádio Nacional, Jackson alcançou grande sucesso com "O Canto da Ema", "Chiclete com Banana" e "Um a Um". Os críticos ficavam abismados com a facilidade de Jackson em cantar os mais diversos gêneros musicais: baião, coco, samba-coco, rojão, além de marchinhas de carnaval.

 Jackson do Pandeiro morreu em 10 de julho de 1982, em Brasília.

QUEM É PAULO COSTA

 Formado em Música pelo Seminário do Centro Universitário de Cultura e Arte (Cuca), Paulo Costa faz aquilo que podemos classificar de complexa e variada Música Popular Brasileira, considerando suas diversas influências, seu ecletismo e variedade rítmica.

 Paulo é considerado pela crítica e pelo público como um dos mais representativos nomes da música da região, tanto pela longa e respeitada carreira, como pela ativa participação em ações e atividades de caráter artístico e cultural. 

Ele já lançou os CDs “Varal” (2000) e “Paulo Costa ao Vivo” (2006) e o DVD “Paulo Costa Documental – Ao Vivo” (2012) e já tem pronto o cd “Eletronicamentefeitoamão”, que será lançado ainda este ano.

FICHA TÉCNICA DO SHOW

·        Tonico Freitas: zabumba

·        Rangel Oliveira  : pandeiro de couro

·        Sérgio Canhoto  : contrabaixo

·        Gilson              : guitarra

·        Junior              : bateria

·        Paulo Costa     : voz, violão e direção do espetáculo

·        Antonio Moreira : técnico de som

·        Marcos Socco  : técnico de luz

Com informações da organização do evento.

FSA, 21/11/13